COPEL DETALHA PROPOSTA PARA PLR/2015

COPEL DETALHA PROPOSTA PARA PLR/2015

PLR 2A Copel apresentou aos sindicatos sua proposta para a PLR 2015, com maior detalhamento e com projeções em torno dos indicadores, em reunião realizada na última quinta-feira, dia 30 de julho. A proposta foi discutida e será agora encaminhada para avaliação do Conselho de Controle das Empresas Estaduais – CCEE, criado por decreto pelo governador para “controlar” gastos e arrecadações, inclusive da Copel. Só depois de aprovada nesse Conselho a proposta será oficial e irá para avaliação e deliberação dos copelianos, nas assembleias que os sindicatos realizarão em todo estado.

INDICADORES  E METAS PARA A PLR 2015:
Rentabilidade do patrimônio líquido: 8,50%
PMSO/Receita Operacional Líquida: 15%
Satisfação da Qualidade Percebida – ABRADEE: estar entre as classificadas
Rentabilidade do Parque Gerador: 92,90
Números de Circuitos Totais de Telecomunicações: 58,2

Os dados e projeções apresentados pelos representantes da Copel aos sindicatos indicam ser bastante provável o cumprimento total das metas propostas, como apontam os números relativos aos últimos dois anos:

Rentabilidade do patrimônio líquido:
2013: 8,87%
2014: 9,53%
Meta para a PLR 2015: 8,50%

PMSO/Receita Operacional Líquida:
2013: 21,17%
2014: 16,22%
Meta para a PLR 2015: 15%

Satisfação da Qualidade Percebida – ABRADEE:
2013: 2ª colocada
2014: 1ª colocada
Meta para a PLR 2015:  estar entre as classificadas

Rentabilidade do Parque Gerador:
2013: 93,67%
2014: 94,26%
Meta para a PLR 2015: 92,90

Números de Circuitos Totais de Telecomunicações:
2013: 27,9%
2014: 41.2%
Meta para a PLR 2015: 58,2

Como se pode notar pelo histórico dos dois últimos anos, há boas perspectivas para o atingimento das metas, inclusive no que diz respeito ao desempenho da Copel Telecomunicações, cuja atuação vem num crescente.

PROPOSTA DE MONTANTE A SER DISTRIBUÍDO:

Pela proposta da empresa, o montante a ser distribuído aos empregados poderá chegar até 15% do valor a ser pago aos acionistas. A distribuição será linear, ou seja, o mesmo valor para cada trabalhador, independente da faixa salarial. De acordo com a oscilação no cumprimento das metas, o montante a ser distribuído poderá ficar entre 10,5% e 15% do montante a ser distribuído aos acionistas. Em 2013, o montante da remuneração distribuída aos acionistas foi de 52,26% do lucro líquido. Em 2014, esse montante foi de 51,62%. A expectativa é que em 2015 fique novamente em torno de 50%.

Quanto ao montante geral, o histórico do lucro líquido é o seguinte:
2013: R$ 1.072.559.550,70
2014: R$ 1.205.950.340,45

Outro dado importante para avaliar a proposta comparativamente é o percentual distribuído aos empregados, em relação a remuneração dos acionistas, nos últimos quatro anos:
2011: 11,16%
2012: 10,59%
2013: 13,92%
2014: 14,46%
Média dos quatro anos: 12,5%

CRITÉRIOS DE DISTRIBUIÇÃO:

A proposta de PLR apresentada pela Copel prevê também os seguintes critérios para a distribuição do montante aos empregados:

Pagamento integral: empregados que trabalharem de 01 de janeiro a 31 de dezembro; Afastados por acidente de trabalho; Afastados por enfermidade e/ou auxílio doença; Afastados temporariamente à disposição da justiça; Afastados por licenças legalmente previstas, como férias, licença maternidade, paternidade, doação de sangue e outras.

Pagamento proporcional: admitidos, desligados e licenciados sem vencimento, no ano; Empregados com atrasos (mais de 5 minutos por expediente e mais de 59 minutos por mês), faltas não justificadas e suspensões.

Sem pagamento: empregados que forem demitidos por justa causa no período de vigência do Acordo coletivo da PLR.

Os sindicatos estão no aguardo da oficialização da proposta pelo conselho do governo para definir o calendário das assembleias que vão decidir sobre a PLR. Informaremos as novidades aqui no blog COLETIVO.

Confira também

MAIORIA DOS COPELIANOS DECIDE PELO FECHAMENTO DO ACORDO

MAIORIA DOS COPELIANOS DECIDE PELO FECHAMENTO DO ACORDO Publicado em 14 de novembro de 2017por coletivocopel Terminou agora, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *